A RESPONSABILIDADE SOCIAL DA FAEME


A responsabilidade social de uma IES é caracterizada e consolidada como o conjunto de estratégias que contribuem para o desenvolvimento de uma sociedade mais justa e sustentável, em seus múltiplos aspectos.
A FAEME entende que um ponto importante para a responsabilidade social consiste em possibilitar à sociedade conhecer as atividades que realiza seu nível de abrangência e relevância e os resultados obtidos.
As atividades de pesquisa e extensão da FAEME têm papel importante, tendo em vista a produção acadêmica, que desenvolve e aproxima a cultura e valores dos atores sociais locais com o conceito de desenvolvimento sustentado e sustentável com ênfase em questões relevantes para o meio ambiente, entre outros. Esses projetos e ações potencializadas contribuirão com o crescimento sócio econômico e cultural de Coroatá e da região e por potencializar a geração de novos empreendimentos e oportunidade de emprego, envolvendo a comunidade.
A pesquisa e extensão exercem sua função social contribuindo com a região, a inclusão social, pessoal e a responsabilidade social, por isso, deve ser compartilhado socialmente, para dar sentido à missão e aos valores por ela defendidos.
A faculdade, busca a intensificação das ações direcionadas à visibilidade pública de sua atuação, por meio do site institucional (www.faeme.edu.br) e da abertura de suas atividades a toda a sociedade.

Neste quinquênio 2016-2020 a FAEME demonstrará ser uma instituição socialmente responsável através da:

1) elevação do padrão educacional e técnico-científico da população com a oferta de cursos e serviços de qualidade;

2) democratização do acesso ao ensino superior de qualidade com oferta de cursos voltados para as necessidades sociais e de desenvolvimento regional;

3) produção e socialização do saber através do desenvolvimento de atividades voltadas para a construção do conhecimento que proporcione o suporte e a sustentação para o ensino de graduação.;

4) fortalecimento e ampliação das relações da Faculdade com a sociedade, atendendo as suas demandas sócio educacionais com o desenvolvimento de projetos e serviços cooperados apoiados no binômio: faculdade-empresa;

5) Atendimento às demandas locais e regionais, de acordo com as competências internas da IES;

6) Implementação de política de incentivo as atividades artísticas, culturais e esportivas;

7) atualização dos currículos dos cursos em consonância com as tecnologias empregada pelos concedentes de estagio/emprego aos estudantes/egressos da Instituição;

8) promoção e apoio as atividades extensionistas, levando as comunidades locais e regionais a produção acadêmica desenvolvida pela Universidade como forma de contribuição a emancipação econômica e social dessas localidades.