NÚCLEO DE ESTÁGIO


Segundo a Lei 11.788/2008 o estágio “é ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa à preparação para o trabalho produtivo de educandos que estejam frequentando o ensino regular em instituições de educação superior, de educação profissional, de ensino médio, da educação especial e dos anos finais do ensino fundamental, na modalidade profissional da educação de jovens e adultos”.

Esta lei integra legalmente o estágio ao PPC dos cursos de graduação, além de integrar o itinerário formativo do educando, considerando-se que, no bojo da citada legislação, o estágio objetiva o aprendizado de competências próprias da atividade profissional visando o desenvolvimento do educando para a vida cidadã e para o trabalho.

O estágio curricular supervisionado se caracteriza como o momento de efetivar o processo de formação de forma articulada com empresas e instituições, com supervisão dos professores envolvidos no processo de formação profissional no campo de estágio, as políticas desenvolvidas e a prática profissional indicam os critérios que nortearão o estágio de cada curso ofertado na FAEME, que estão mencionados nos Projetos Pedagógicos dos cursos.

• De acordo com a legislação pertinente, o estágio curricular deve possuir as seguintes finalidades:
• De acordo com a legislação pertinente, o estágio curricular deve possuir as seguintes finalidades:
• Favorecer condições pedagógicas de exercício e articulação de habilidades e permitir a familiarização do estudante com a realidade social e econômica do trabalho, aproximando os conhecimentos acadêmicos da realidade da escola;
• Incentivar o desenvolvimento das potencialidades individuais e das habilidades necessárias à construção da competência profissional, propiciando a formação de profissionais mais empreendedores e capazes de adotar métodos e processos inovadores, novas tecnologias e estratégias alternativas;
• Facilitar o processo de atualização de conteúdos disciplinares, adequando-os às constantes inovações educacionais, políticas e sociais.

Os estágios curriculares dos cursos são normatizados pela Lei n° 11.788/08 e pelo Regulamento de Estágio da FAEME. Os alunos do curso de Licenciatura em Filosofia podem realizar dois tipos de estágio:

a) Estágio Curricular Supervisionado, de caráter obrigatório, cuja carga horária constante no PPC do Curso, sendo requisito para aprovação e obtenção de diploma;

b) Estágio Curricular Não-Obrigatório, de caráter opcional, cuja carga horária será acrescida à carga horária regular do curso, podendo ser aproveitada como Atividade Complementar.

O Estágio Curricular Supervisionado é um conjunto de atividades de formação, articuladas com as demais atividades acadêmicas ao longo do curso, programados e diretamente supervisionados por Professor Orientador (Supervisor de Estágio), cujas atribuições estão descritas no Regulamento de Estágio.

Para fins de acompanhamento e avaliação, o aluno matriculado na disciplina de estágio curricular supervisionado deverá:
a) Apresentar relatórios de atividades, de acordo com a orientação e frequência estabelecida pelo supervisor de estágio;
b) Apresentar relatório avaliativo da unidade concedente sobre seu desempenho;
c) Apresentar relatório final, elaborado de acordo com as normas estabelecidas pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).